terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Fórmula da Inteligência Desafia Ditados Populares- Parte II

A "sabedoria" popular se traduz em inúmeros ditados que são repetidos e passados de geração para geração. A Fórmula da Inteligência, que se propõe a pensar de maneira muito mais inteligente que uma grande parcela da população, provavelmente a maioria, desafia o segundo ditado popular: " Ninguém é insubstituível".

Relembrando a Fórmula da Inteligência resumidamente : Ampliação da Acuidade Perceptiva , Exclusão de Suposições falsas e Subtração da Trapaça ou FI= P+ E - T.

Ampliando a Percepção Acurada:

Vamos ao dicionário para definir as palavras e nos comunicarmos num nível de compreensão consensual.

Ninguém: " Nenhuma Pessoa";
Insubstituível: "Que não se pode substituir"." Inigualável".

Inigualável: "Que não pode ser igualado"
Igualado: "Tornar igual, nivelar, aplainar,ser igual, estar ao mesmo nível ou altura, fazer-se igual; supor-se igual.

Ditado Popular: " Ninguém é Insubstituível."

Geralmente esse ditado é repetido em ambientes de trabalho, como justificativa para demitir alguém.
Como ninguém é insubstituível, basta demitir e contratar outro(a). Simples , não?

A sabedoria popular é um processo de  simplificação para generalizar uma ideia, evitando qualquer reflexão profunda. E a "sabedoria" e o  "popular" casualmente se encontram, mas prefiro considerar isso uma exceção. Então vamos nos conduzir pela regra. Muitos ditados populares são errôneos por incorrerem em duas falhas graves no processo de raciocínio: a simplificação, também conhecida como deleção, e a generalização, que aceita uma parte pelo todo.

Quando ouço um ditado popular, logo minha percepção liga o sinal de alerta. E a pergunta que me ocorre instantaneamente é : " Será mesmo?" " Isso é verdadeiro?" Existem evidências a favor ou contra ?"

Ditado Popular: " Ninguém é Insubstituível."

Reformulando, com uma  percepção ampliada:

"Nenhuma pessoa  não se pode substituir".
"Nenhuma pessoa é inigualável"
"Pessoa alguma não se pode substituir."
"Pessoa alguma não se pode igualar."

Parece um jogo de palavras. Mas esse desdobramento nos levar a refletir, ao invés de aceitar um pensamento final sem a devida atenção.. Já temos uma perceção consensual. Sim? Não? Quase?

"Nenhuma pessoa não se pode substituir". (   )Sim  (    ) Não (   ) Incompleto
 "Nenhuma pessoa é inigualável".               (   )Sim  (    ) Não (   ) Incompleto

 "Pessoa alguma não se pode substituir" ou "Todos  são  substituíveis".
 "Pessoa alguma não se pode igualar."   ou  "Todos são igualáveis".

Excluindo as Suposições Falsas

"Todos são substituíveis" ? ( X) Falso

Quando você perde um ente querido, seja mãe, pai, filho, um gatinho ou um amigo, existe alguma maneira de substituí-los?

 "Todos são igualáveis" ?   ( X)  Falso

Na matemática, uma linguagem simbólica, inventada pelo homem para comunicar-se com a natureza, é possível igualar grandezas diferentes. Por exemplo, A=B.
Todas as pessoas são diferentes, portanto, não são igualáveis. Se houver uma única célula  na ponta do dedo do pé que difere  à inspeção microscópica, já não há duas pessoas( grandezas) iguais. Até mesmo os gêmeos, com a mesma carga gênica, são diferentes, pois sofrem os efeitos  do ambiente. São epigeneticamente modificados. Pessoas são inigualáveis.

Portanto,  "Ninguém é Insubstituível " é FALSO.

Subtraindo a Trapaça

Esse ditado foi criado, imagino, para justificar o ato de demitir, substituir, dispensar alguém de uma atividade mensurável. Então, na verdade, estamos falando de desempenho, produtividade, eficiência, eficácia. Estamos falando de estatísticas. Estamos falando do FAZER, não do SER.

"Todos são substituíveis", em alguma atividade mensurável, com ganhos ou perdas estatísticas.

Portanto, " Ninguém é Insubstituível" é um ditado INCOMPLETO, portanto, FALSO. A verdade nunca é incompleta, mas é a visão do homem que a concebe assim.

Ajudando a população geral a pensar de maneira mais inteligente, pela aplicação da Fórmula da Inteligência, consideramos:
"Ninguém é insubstituível". Resposta-  Falso
"Ninguém é insubstituível". Resposta -Incompleto. Portanto, Falso.

Abaixo o ditado foi reformulado para um pensamento mais específico:

Ninguém é insubstituível, em alguma atividade mensurável, com ganhos ou perdas estatísticas. Verdadeiro!

Quando um funcionário é demitido, outro funcionário é admitido e recebe treinamento para desempenhar a  mesma função. Até que esse funcionário substituto aprenda o ofício do antecessor e desempenhe-o no mesmo nível de proficiência, as estatísticas de produtividade cairão. Se o funcionário substituto for incompetente, as estatísticas de produtividade continuarão caindo com o passar do tempo. Se ele for competente, recuperará os resultados prévios e poderá superá-los.

Para finalizar, ofereço  uma recomendação inteligente:

 Substitua algo ou alguém numa atividade  se a possibilidade de elevar as estatísticas de desempenho ou produtividade  for provável.
Não substitua algo ou alguém numa atividade  se a possibilidade de elevar as estatísticas de desempenho ou  produtividade for improvável.

A pergunta é como descobrir essa probabilidade? Esse segredo fica para as futuras publicações.






















                                                                                                      





Um comentário:

  1. Muito interessantes suas colocações rsrsrsr
    adorei o texto, informativo e intrigante!

    http://manunatureza.blogspot.com/

    ResponderExcluir